Skip to content

Pensando Bem: Bolsa Marginal

outubro 18, 2009

Às vezes eu me pego pensando quando é que o Brasil vai deixar de ser uma piada de mau gosto, quando nossa política será realmente séria – sem Suplicy cantando no Senado ou desfilando de sunguinha vermelha. E me pergunto quando nós vamos cumprir com nossas obrigações e ver o retorno de nossa gorda contribuição. 

Agora eu te pergunto. Como eu posso comemorar com orgulho a vitória do Rio para sede das Olimpíadas? Nem me desceu ainda a vitória do Brasil para sede da Copa do Mundo…

Um país onde o marginal tem mais DIREITOS HUMANOS do que você é lá um país para ser levado a sério? É um país que se possa ter orgulho e dizer: “É isso aí, Brasil!!!”

Não!

Por acaso você sabia que o Governo da nossa pátria amada (Brasil) oferece uma bolsa de mais de R$ 700 para os dependentes de presidiários? Para que sua família possa ser sustentada já que o pobrezinho não pode trabalhar… Não sabia? Tá difícil acreditar? Então dá só uma olhada!

Agora eu só queria saber se os filhos daquele cidadão que foi morto pelo safado do presidiário vai receber algum centavo para o seu sustento. E também queria saber se os Direitos Humanos vão brigar por alguma bolsa às vítimas dos bandidos que povoam o nosso país.

Certo estava o nosso saudoso Renato:

“Vamos celebrar a estupidez humana

A estupidez de todas as nações

O meu país e sua corja de assassinos

Covardes, estupradores e ladrões

Vamos celebrar a estupidez do povo

Nossa polícia e televisão

Vamos celebrar nosso governo

E nosso Estado, que não é nação

Celebrar a juventude sem escola

As crianças mortas

Celebrar nossa desunião”

 

Então… Que venha 2016!

Leia mais…

Nonsense: Body changes

outubro 16, 2009

Nunca fui fã fervorosa dos piercings, mas ter uma tatuagem era um sonho. “Marcada como gado” ou não, eu já estava decidida. Nunca tive essa visão “pecuária” das tattoos, sempre imaginei algo mais como um clichê de quinta categoria do tipo “estar marcada com algo marcante” [redundante mesmo, lembra que é quinta categoria, né?!].

Pois então finalmente, depois de muitos anos pensando no assunto, resolvi tomar coragem. Há alguns meses decidi o que fazer, mas não tinha previsão para tirar o plano do papel. Afinal de contas o que eu estava esperando?

Três meses depois de completar um quarto de século resolvi reunir toda a minha coragem [coragem para enfrentar a agulha e os meus pais] e parti pro estúdio.

O engraçado é que quase na véspera de fazer a tattoo eu tava dando uma olhada nas tatuagens das celebridades e descobri algo em comum com a Christina Ricci.

Ela tem um leão tatuado em suas costas. É uma referência ao Aslan d’As Crônicas de Nárnia – O Leão, a Feiticeira e o Guarda Roupa. É claro que notamos o carinho especial que ela tem pela série de C.S. Lewis, mas Christina simbolizou a tatuagem como a opressão vivida quando jovem e a sensação de liberdade ao completar 18 anos.

Sendo assim, comecei a pensar em ideologias para a minha tattoo e me assustei em como elas se encaixavam perfeitamente a minha vida. Como assim?

  • a ligação que tenho com o meu pai;
  • a aparente necessidade de ser sucessora dele em tudo o que faz;
  • a necessidade de deixar o passado para trás;
  • a facilidade [não me vanglorio disso] em fugir dos meus problemas;
  • e uma homenagem pessoal ao amor que tenho pelo meu cachorro, cujo nome é o mesmo do personagem.

Então, vamos pensar um pouquinho no que escolhi pra ser minha tatuagem.

  • Dica 1: simboliza o meu amor pela Disney
  • Dica 2: é um leãozinho também [oi?!]
  • Dica 3: muito fofinho e cheio de estilo [nada ainda?]
  • Dica 4: Hakuna Matata!

Leia mais…

Nonsense: Inauguração e Dia das Crianças

outubro 13, 2009

Eu já não via a hora de começar a postar por aqui. Então melhor inaugurar o meu espacinho, né verdade?

Na verdade eu não havia pensado em um post inaugural, então vamos deixar isso pra lá e partir logo para os acontecimentos, certo? E nada melhor que o Dia das Crianças e a expectativa de ganhar presentinhos nesse dia para ilustrar o início do blog…

É isso aí. Mesmo com 25 anos eu faço questão dos meus presentes de Dia das Crianças. Sou uma boa filha e sempre dou presentinho para os meus pais no aniversário, no Natal e nas datas específicas como Dia das Mães e dia dos Pais. E como euzinha fico? Só ganho no aniversário, Natal e olhe lá?!?! De jeito algum!!! Enquanto o Capitalismo não cria o Dia do Filho eu vou comemorando no dia das Crianças, mesmo!

 

 

Super viciada na Disney, como sou AMEI o CD. Tem Miley Cyrus, Jonas Brothers, Mitchel Musso, Selena Gomez, Demi Lovato, Vanessa Hudgens, Corbin Bleu, Camp Rock e High School Musical.

Eu estou completamente viciada em Speed of Light do Corbin. Não consigo parar de ouvir por um segundo. Daqui a pouco estarei como uma enlouquecida a caça do CD do cara. Hihihi! Não duvide! 😀

Bem, no total são 18 músicas no CD e ainda tem o DVD com 5 vídeoclips,bastidores de HSM2, HSM3 e Camp Rock alem de um tutorial para aprender a dançar a música Hoedown Throwdown de Hannah Montana – O Filme

Flávia Castro