Skip to content

Meninices: Dolltown

novembro 15, 2009

É tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo e tão pouco tempo pra vir aqui que eu simplesmente não consigo atualizar o blog “em tempo real”. Tenho milhares de assuntos e posts acumulados que não consigo ter tempo pra sentar organizar no blog. Mas vamos lá! Isso vai passar! 🙂

Hoje eu quero falar sobre a minha mais nova obsessão. Eu estou simplesmente VICIADA em dolls e já não estou conseguindo imaginar minha vida sem uma Pullip, no mínimo.

Ok, provavelmente muitas da mocinhas internautas que passam por aqui já devem conhecer as Pullips, Dals, Blythes, Taeyangs… Mas, vou falar sobre as minhas favoritas mesmo assim, e compartilhar com ustedes meus sonhos de consumo.

Pullip: são dolls de criação coreana, mas comercializada pela JUN Planning, no Japão. A primeira doll surgiu em 2003 e então surgiram os meninos (Namu e Taeyang), as irmãs mais novas (Dal) e as miniaturas (Little Pullip). Agora em 2009 as pullips passaram a ser comercializadas pela Groove, na Coréia.

Blythe: foram inicialmente lançadas nos Estados Unidos, em 1972, pela empresa Kenner. Infelizmente essas bonecas não fizeram muito sucesso e sumiram das prateleiras em menos de um ano. Quando foram lançadas pelos Americanos elas também foram comercializadas no Japão com o nome de Mahon no Hitomi AiAi Chan (Os olhos da magia AiAi Chan), licenciada pela Tomy Corp. Em 97 uma produtora de TV e vídeo passou a fotografar as dolls depois que foi “apresentada” a uma Blythe por um amigo, no eBay. Então surgiu o livro This is Blythe, com essas fotos. Essa mesma produtora apresentou a boneca à sua agente, no Japão e, juntas, produziram uma animação em Stop Motion para o comercial de Natal da loja Parco. A partir daí, aquelas bonequinhas rejeitadas nas prateleiras passaram a custar uma verdadeira fortuna e em 2001 as Neo Blythes foram produzidas pela CWC e fabricadas pela Takara.

D.O.D. (Dream of Doll): são dolls coreanas (esses coreanos são impossíveis) também colecionáveis e que se dividem em 4 grupos: D.O.I. (Dream of Idol), D.O.T. (Dream of Teenager), D.O.C. (Dream of Children) e D.O.B. (Dream of Babies). Há ainda um quinto grupo que são as Edições Limitadas. Essas dolls são perfeitas e delicadas. Às vezes parecem até gente em miniatura, é impressionante.

E é em meio a toda essa overdose, que vou compartilhar com vocês o presentinho que Papai Noel vai deixar aqui em casa, um pouquinho adiantado:

Ela ainda não tem nome, mas assim que chegar, eu faço uma cobertura completa sobre. Aliás, estou esperando que ela realmente crie vida própria como vejo muitas Pullips, Blythes e D.O.D.s por aí…

Beijos e até a próxima!

Flávia Castro

Anúncios
One Comment
  1. Mari permalink
    novembro 15, 2009 4:08 pm

    Ahhhh eu quero!!!

    eu achei lindinha uma de cabelo curtinho ali!!!

    As Blythes eu não gosto mto não… e DOD são meus sonhos de consumo!!! Um dia quem sabe!!!!

    *_*

    Lindo seu presente de natal!

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: